Reserve seu hotel aqui...

15 de mai de 2016

3

Perguntas feitas no consulado americano para tirar o visto de estudante, e dica de escola para fazer o intercâmbio.

perguntas feitas no consulado
Olá amigos e leitores

Recentemente foi nossa vez de passar pelos trâmites para tirar o visto americano! Quem tirou foi minha filha que está indo sozinha em Julho fazer um intercâmbio de 30 dias em Boston.
Aliás, aproveito para deixar uma dica, ela tirou passaporte com opção já no passaporte que a autoriza viajar sem os pais para fora do país, ou apenas com um deles, sem autorização do outro, isto facilita as viagens dela enquanto for menor. Saiba mais sobre esta e outras formas de tirar o passaporte para menor neste link
experimento campinas
Foto do Snapchat Trilhamarupiara 
Sem dúvida já existe muitaaa informação na internet sobre o passo a passo para tirar o visto e diversas dicas sobre o assunto, então não vou chover no molhado. Abaixo indico alguns links sobre o passo a passo.

Mas neste post vou falar da parte prática.

Eu não organizei o processo sozinha, preferi contratar uma agencia especializada para otimizar meu tempo, (sim, blogueiros não economizam apenas dinheiro, tempo também as vezes é necessário rsrs) Agência que contratei link aqui

O serviço não é caro (na minha opinião), por 200 reais eles preencheram corretamente todos os formulários, reunindo a documentação e marcando as entrevistas! 
Meu único trabalho foi enviar os documentos a eles por e-mail, pagar os boletos das taxas do consulado, imprimir os recibos e comparecer ao consulado para a entrevista!
Total de taxas, incluindo a deles, 1.650,00 reais

Bom, mas este post não é para falar da parte burocrática, vamos então as dicas simples! 

Primeiro: 

Para tirar o visto, é preciso passar por duas entrevistas em dias diferentes, porém seguidos.
 A primeira na verdade é para recolher as digitais, procedimento simples e rápido feito no CASV (Centro de atendimento de solicitação de visto). 
A dica aqui é a seguinte: no site eles falam para não chegar ao local com mais de 15 minutos de antecedência da hora marcada para a entrevista, mas nós chegamos com 1hora e 15 de antecedência e eles nos atenderam na hora em que chegamos por que estava super tranquilo!

Então se você quiser arriscar para (por algum motivo) adiantar seu lado, pode ir sem medo que ninguém irá te chamar atenção, o máximo que pode acontecer é você ter que esperar pelo seu horário mesmo!

Segundo: 

Para a segunda entrevista, no consulado, prepare-se para muito provavelmente passar horas em pé em uma fila, não leve eletrônicos e celular de forma alguma pois não entra, mas tem quem ofereça serviço de guarda volumes nas imediações, caso você não tenha com quem deixar.
Chegue sempre com antecedência pois o processo de filas começa de acordo com o andamento lá dentro, então chegar mais cedo facilita sua vida um pouco, embora não se livre de esperar! Se quiser pode levar um livro ou revista para ler!

Para quem não mora em São Paulo, tem 2 hotéis muito bons nas proximidades, o Estanplaza que já falei neste link, e o Tryp Nações Unidas, ambos no bairro Chácaras Santo Antônio a menos de 5 minutos de táxi de onde fica o consulado.

Enfim, vamos as perguntas que foram feitas, no caso da minha filha que como já disse foi solicitar o visto para fazer intercâmbio, as perguntas feitas pelo cônsul foram estas: 

Você vai viajar com quem?

Qual o motivo da viagem?

Para qual cidade você está indo?

Você fala inglês?

Desde quando você estuda inglês?

Por que você escolheu esta escola?

Seus pais trabalham com o quê?

Você já viajou para fora do país?

Você tem parentes ou amigos na cidade que escolheu ou em outros lugares dos EUA?

Seus pais já viajaram para os Estados Unidos?

Quanto tempo você vai ficar no país?

A Manoella respondeu estas perguntas de forma muito tranquila, ele não pediu ela para falar em inglês, mas pode acontecer quando se trata do visto de estudante.

Mas eles são tranquilos com estudantes com documentação comprovada! Eu estava do lado dela o tempo todo por ela ser menor (16 anos), embora já possa entrar sozinha nos EUA, mas todas as perguntas foram direcionadas a ela! Eu só observei, caladinha.

Terceiro ( Boston e a Escola )

A escola escolhida pela minha filha é a "NESE" em Harvard Square, circulada abaixo de amarelo, Uma escola muito bem conceituada onde estudaram algumas celebridades e personalidades conhecidas que não vem ao caso. Esta escola não recebe grupos de estudantes, quem escolhe esta escola normalmente está indo sozinho.

Portanto ela não está indo em grupo de férias. Desde o início queríamos que ela fosse sozinha, sem excursões, o objetivo é focar de verdade no inglês, e essa é uma excelente escola voltada para pessoas mais adultas.

Ela já está se formando em inglês, por isso acreditamos que indo sozinha ela irá aproveitar bem as horas de estudo e praticar melhor o inglês, já que viajando com grupo de estudantes brasileiros o foco acabaria sendo mais lazer do que estudos.

NESE escola de intercambio em Boston
Harvard e a escola Nesse circulada em amarelo
A escola fica bem ao lado de uma das melhores universidades do mundo, que dispensa apresentação "Harvard"! Este imponente conjunto de prédios na foto!

Serão 8 horas por dia de estudo, entrando as 8hs e saindo as 15hs.
A escolha por Boston se deu por causa da escola, ela quer que o intercambio seja nos EUA, e a idéia de estudar perto de Harvard, segundo ela é para se sentir mais inteligente quando andar pelas redondezas da conceituada Universidade rsrs...

Em termos de valores, hoje, (maio de 2016), nós pagamos cerca de 4 mil dólares pelo curso na escola, e hospedagem em casa de família com café e jantar. Lembrando que esta escola é um pouco mais cara que as outras que a agência ofereceu!

Este valor no entanto é sem as passagens aéreas. Com o aéreo, mais um valor para ela se manter por um mês, vamos fechar em 6.500 dólares tudo!
Barato? Não, mas acreditamos que valha o investimento!   

A agência onde compramos o Intercambio foi a "Experimento" presente em várias cidades do Brasil! E ela ficará hospedada em casa de família com direito ao café da manhã e jantar.

O passaporte da minha filha com o visto levou menos de uma semana para ser entregue em casa, sendo que foi esta a opção que escolhemos, (entrega em casa)

Agora é só arrumar as malas e partir para esta experiência que eu tenho certeza fará toda diferença na vida dela!




Blogs que indicamos para saber o passo a passo para tirar o visto:

Matraqueando 

Melhores Destinos

Agência especializada que contratamos 

Bravo BR

Experimento (agência onde compramos o Intercâmbio, no nosso caso, no bairro Cambuí na cidade de Campinas SP, muitíssimo bem atendidas e assessoradas pela agente Amanda)


Escola NESE

http://nese.edu/

3 comentários:

  1. Oi Kellen!
    Adorei esta postagem. Penso que para desenrolar mesmo o inglês só estando por lá!
    Eu gostaria que meu filho tivesse uma experiência dessa; ele ainda não manifesta vontade.
    Boa viagem para a filhota e depois conte-nos como foi a experiência dela!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Kellen,

    Otimas dicas.

    Desejo sucesso para sua filha.

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Kellen,

    Que experiência maravilhosa sua filha vai ter, toda sorte do mundo pra ela....

    Bjos

    ResponderExcluir



"Viajar é acumular tesouros na memória que ninguém irá nos tirar! Sejam sempre bem vindos a este blog!

* Os Comentários são respondidos quando há uma pergunta ou uma informação diferente da informação colocada na postagem! Nesses casos retorne para verificar a resposta ou clique em "Notifique-me" Obrigada!